Domingo, 25 de Abril de 2010

FALSO RETRATO DE CAMÕES

Era Camões? Faltava-lhe um dos olhos,

Tinha a barba completa,

O laurel do poeta,

A gola aos folhos.

 

As mãos, não nas mostrava:

Trazia numa a espada? Noutra a pena?

(E a tuba? E a avena?

E o rolo de papéis salvo da onda brava?)

 

Era um busto, uma efígie, um cartaz de parede.

Era um livro fechado,

Escrito na poeira do passado,

Fonte interdita de nenhuma sede.

 

Era isto, era aquilo, era o que quis

Quem no quis inventar,

Expulso de si próprio, a desprezar,

Pela flor, a semente e a raiz.

 

Estava ali para servir de escudo

(E ele, a espada!),

Para dizer cultura celebrada

(E ele, mudo!).

 

Estava ali para servir de réu.

(Não, não estava ali:

Estava em quem, por amor, o chamou a si

E o leu.).

 

ANTÓNIO COUTO VIANA

 

tags:
publicado por Eu às 18:24
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Leão alto relevo, no palá...

. RESPOSTA A CAMÕES PARA SE...

. CARTA APÓCRIFA DE CAMÕES ...

. A CAMÕES DOLOROSAMENTE

. FALSO RETRATO DE CAMÕES

. VITORIAL

. UM CÂNTICO DE DOR E EXALT...

. ALJUBARROTA OUTRORA AGORA

. CANÇÃO ÀS GRADES

. OCIDENTE

.arquivos

. Setembro 2017

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

.tags

. todas as tags

.favorito

. Os meus Sodré Pereira

. Brasão de Sodré em Livros...

. Testamento de Duarte Sodr...

. PORTUGAL

. Duarte Sodré, Alcaide-mor...

. Vicente Sodré, o 1º Capit...

. Reavaliação do Nome e Arm...

blogs SAPO

.subscrever feeds